O Cão Cocker Spaniel – Tudo sobre a Raça

A Origem do cão Cocker Spaniel

Por volta do primeiro século a.C., quando os cartagineses chegaram na Espanha ao longo de uma de suas navegações através do Mediterrâneo, os militares encontraram uma grande quantidade de coelhos e bradaram “Span, Span!” (coelho em cartaginês). Por causa disso essa terra foi chamada de Espanha, ou “A terra dos coelhos”, e os cachorros que acossavam os coelhos ficaram classificados como Spaniel, ou “espécimes coelheiros”.
É possível que o Spaniel vivesse em países do Mediterrâneo e inclusive na Espanha. A raça pode ser considerada uma das mais antigas de todos os tempos. Somos capazes de contemplar uma escultura em tributo ao Spaniel no Museu Metropolitano da cidade de Nova York. A estátua possui mais de dois mil anos e pertence à Coleção Chipriota.
No Sportsman’s Cabinet (Gabinete dos Caçadores), feito por Nichilas Cox e publicado no ano de 1803, foi realizada uma representação do Spaniel: A espécie de cachorros intitulada de Spaniel é de 2 tipos, um deles é maior que o outro e os dois são intitulados de Spaniels Levantadores. O pequeno se dá melhor à caça em matas, e este se denomina “Cocker Spaniel”. Esta raça obteve essa denominação, conforme muitos creem, pelo fato de acossarem galinhas ou, inclusive, faisões machos, que em inglês quer dizer “cockpheasants”.

O gênio da raça Cocker Spaniel

O Cocker Spaniel Inglês é um caçador aventureiro, de comportamento meigo, estabilizado, afetuoso. É uma espécie repleta de força, branda, muito favorável ao convívio em família. Esta espécie é tão sagaz que ela é capaz de examinar, muito antes, o que seu proprietário vai fazer, além de possuir muita bondade e velocidade. É um ótimo cão de guarda, mesmo que seja bastante doce e bastante cordial. Destaca qualquer barulho duvidoso e se preciso, enfrenta o bandido com audácia.
Ele também é muito adaptável, fora a sua intelectualidade e determinação. Ele dá-se harmoniosamente com as demais espécies domésticas, além, inclusive, com outras crianças, não importando a idade ou a altura destas criancinhas. Tido como uma raça muito obediente, o Cocker Spaniel Inglês é muito delicado, e nunca gosta de ser disciplinado de maneira dura. Com um temperamento alegre e dócil, o Cocker Spaniel, se tratado com afeição e muito ternura, irá ser um cão confiável e muito companheiro durante sua caminhada ao seu lado.
Na ordem de esperteza elaborada por Stanley Coren, em seu livro A Inteligência dos Cães, o Cocker acha-se na décima oitava colocação, o que reflete-se na sua capacidade de conhecimento.

Inglês

O Cocker Spaniel Inglês é um cachorro de tamanho médio, vigoroso, atlético, bem equilibrado e bruto. Tem um focinho em formato quadrado, alargado, com stop bastante sobressalente e trufa bastante alargada para privilegiar a capacidade de faro.
Seu olho é bem grande, contudo não muito estufado. As orelhas revelam forma lobular, de anexação baixa, na altura dos olhos, e é revestida com uma pelagem longa, macia e delicada. A cauda do Cocker Spaniel Inglês prolonga a linha posterior.
Dispõe de um pelo mediano que precisa ser escovado uma vez a cada sete dias. A pelagem da raça é lisa, de textura aveludada, nunca rígida, aramada ou ondulosa. Não é grandemente vasto e revela franjas de comprimento suficiente nas patas anteriores, no corpo e por cima dos jarretes.
As muitas peculiaridades desse espécime, bem como as cores do seu pelo, são bem diversificadas. É bem possível se encontrar cães com uma coloração apenas, os que são denominados sólidos, entre a pigmentação preta, caramelo, fígado, e também mesclados de colorações, que são denominados de part colors.
Ocasionalmente necessita de cortes na região de seu crânio, e cortes em torno dos pés e da cauda de dois em dois meses. Duas vezes, bimestralmente, higienize suas orelhas.

A Superioridade da raça Cocker Spaniel

Esta raça não provoca nervosismo nos vizinhos, justamente pelo fato de não latir com bastante frequência, e, além disto, o Cocker pode viver tanto em edifícios quanto em casas grandes com muito espaço.
Com todos os membros da família, ele é um animal muito brincalhão, sendo capaz de fazer aquele fim de semana inteiramente enfadonho, alegre para todo mundo, pois decerto ele irá cativar a família com o seu jeito desajeitado e vai brincar muito.
Há várias maneiras de usufruir do tempo com o seu cachorro, seja brincando em um parque, andando, passeando ou, então, realizando pequenos exercícios físicos como flyball e agility.

Distúrbios habituais ao Cocker Spaniel Inglês

A única restrição que pode-se fazer para os Cockers é no que tange ao seu cruzamento com as demais espécies, esse que foi feito sem um critério devidamente estudado. Os cães de pelos amarelos – possivelmente pela fama do desenho animado “A Dama e o Vagabundo” – obtiveram grande comércio e foram afetados por desvios de temperamento e conformação. Durante o processo de propagação da espécie, foram muitos os cachorros de todas as colorações a apresentar desvios graves de temperamento.
Devido ao pouco ventilamento em seus ouvidos, os Cockers tendem a sofrer determinados problemas nos canais auditivos e inclusive por causa do acúmulo de água. Por causa disso, os donos de Cocker têm que ter atenção redobrada na hora do banho, tapando os ouvidos do cão com algodão com a finalidade de evitar a entrada de água. Para não acumular cera e sujeira nas orelhas, é prudente que de 2 em 2 dias as orelhas sejam limpas com produto apropriado para cachorros sugerido por especialistas.
Em decorrência da quantidade de pelos no meio dos dedos, a sujeira e umidade conseguem ficar acumuladas, causando frieiras. Higienize frequentemente ou, então, apare os pelos com o objetivo de evitar este empecilho.

Cuidados da Raça Cocker Spaniel

Cães dessa espécie são muito ativos e necessitam fazer atividades a cada dia, ao menos duas ou três pequenas saídas ao dia. Depois das caminhadas, é fundamental observar suas orelhas para garantir que não têm nenhum espinho ou objeto preso nas franjas.
Por terem as orelhas inclinadas, é muito comum que os Cockers Spaniels desenvolvam dores de ouvido, além de obesidade e catarata, algo genético.
A tosa nos Cockers não necessita ser total! O que tem que ser feito é cortar bem a pelagem dorsal, de sua cabeça, na ponta das orelhas, rabo e a almofada de suas patas, porém devem ser conservadas as franjas das orelhas, barrigas e nas patas. A tosa deve ser concretizada por um profissional competente que conheça bem a espécie, porque é muito frequente Cockers serem tosados como Poodles em Pet Shops.
No que se refere aos banhos, se dados em excesso podem causar dermatites, eczemas e outros distúrbios de pele. Por isso a importância de se escová-lo diariamente, principalmente nas orelhas.

Filhotes do Cocker Spaniel

Quando filhote, o Cocker é expansivo e brincalhão como bem convém a um pequeno caçador. Talvez por seu aspecto de “pelúcia”, a compra por impulso da espécie, sem a avaliação real das condições de cuidar do espécime, seja mais forte do que para as demais raças.
Pelo seu excesso de energia, o Cocker não hesita em fazer qualquer atividade, como: brincar, correr, caminhar, morder. Com o decorrer do tempo, o crescimento e a educação, primordial a qualquer raça independente de seu porte físico, o cachorrinho tende a ficar mais sossegado.
O Cocker adquire a qualidade de parceiro inseperável, usualmente, após os sete meses.

Curiosidades a cerca do Cocker Spaniel

– Comparando-se com o Cocker Spaniel, o Cocker Inglês é mais alto, dispõe de um revestimento menos vasto, e não vem na coloração dourada como tantas vezes é visto no Cocker. Seu pelo é mais macio, sendo possível notá-lo na cor avermelhada, preta e castanho, castanho e fígado, sempre com um fundo mais branco;
– Você sabia que os EUA já possuiu um presidente que tinha um Cocker Spaniel Inglês? Seu título era Shannon, e ele foi parceiro do presidente John Kennedy;
– Príncipe William e Kate Middleton também são donos de um Cocker Inglês chamado Lupo. Lupo é descendente de Ella, uma cachorra que pertencia aos pais de Kate Middleton. À primeira vista, o casal negou que Lupo pertencia a eles. Lupo despontou em uma das primeiras fotos oficiais do príncipe George, filho do casal;
– No Reino Unido, o que os norte-americanos chamam de Cocker Spaniel Inglês é meramente Cocker e a versão dos Estados Unidos é chamada de Cocker Americano;
– O termo Spaniel era usado para todo cachorro que caçava aves. Estes cachorros sempre foram diferenciados devido a seu porte físico e pelo estilo como operavam suas ações.